As duas faces da concorrência em odontologia

A concorrência atual no setor de odontologia vem crescendo de forma brutal e por vezes predatória.

O mercado precisa de concorrência para ser justo, pois quando não há concorrência a tendência é o setor ter preços muito elevados e totalmente desproporcionais e também observa-se a queda na qualidade do produto ou serviço que não enfrenta concorrencia em odontologiaconcorrentes em seu mercado. No Brasil vivemos por muito anos em um mercado fechado em determinados setores, o que fez o país ficar por muito tempo estagnado e vivendo na idade da pedra, justamente pela falta de concorrência. Com a abertura do mercado, nos anos 90 o Brasil teve a possibilidade de ter acesso a produtos e serviços melhores e os preços destes, com o aumento da concorrência na maioria das vezes caiu e chegou a patamares acessiveis a população de modo geral, vemos o exemplo do setor de automoveis.

Lei da oferta e da procura ou lei da demanda

Enfim a concorrência tem seu lado bom, mas também temos o outro lado da moeda. Ela segue a lei da oferta e da procura.

“Em economia, a Lei da Oferta e Procura, também chamada de Lei da Oferta e da Demanda, é a lei que estabelece a relação entre a demanda de um produto – isto é, a procura – e a quantidade que é oferecida, a oferta. A partir dela, é possível descrever o comportamento preponderante dos consumidores na aquisição de bens e serviços em determinados períodos, em função de quantidades e preços.

Nos períodos em que a oferta de um determinado produto excede muito à procura, seu preço tende a cair. Já em períodos nos quais a demanda passa a superar a oferta, a tendência é o aumento do preço.

A estabilização da relação entre a oferta e a procura leva, em primeira análise, a uma estabilização do preço. Uma possível concorrência, por exemplo, pode desequilibrar essas relações, provocando alterações de preço.

Ao contrário do que pode parecer a princípio, o comportamento da sociedade não é influenciado apenas pelos preços. O preço de um produto pode ser um estímulo positivo ou negativo para que os consumidores adquiram os serviços que necessitam, mas não é o único.

Existem outros elementos a serem considerados nesta equação, entre eles:

  • Os desejos e necessidades das pessoas;
  • O poder de compra;
  • A disponibilidade dos serviços – concorrência;
  • Existência de produtos complementares ou substitutos;
  • A capacidade das empresas de produzirem determinadas mercadorias com o nível tecnológico desejado.

Da mesma forma que a oferta exerce uma influência sobre a procura dos consumidores, a freqüência com que as pessoas buscam determinados produtos também pode aumentar e diminuir os preços dos bens e serviços.” (Fonte: Wikipedia)

 Com um aumento muito grande da concorrência, ou seja, mas fornecedores para o mesmo produto ou serviço o preço começa a cair e se esse número de fornecedores ultrapassar determinados limites, a concorrência oa invés de saudável passa a ser predatória e deletéria. Com muito concorrentes os preços caem a níveis que começam a comprometer a qualidade do produto ou serviço entregue.O desequilibrio da balança tanto para um lado como para outro acaba prejudicando a sociedade como um todo.

Explosão

Em odontologia nos últimos 15 anos vivemos uma explosão da concorrência. A abertura indiscriminada de faculdades leva todos os anos milhares de novos profissionais ao mercado. O Brasil, por suas características continentais, deveria ser beneficiado com essa explosão no número de dentista, mas o que ocorre e que 98% deles se concentram em grandes centros e os rincões mais afastados continuam sem a presença de profissionais de odontologia. E é justamente nestes grandes centros onde a concorrência está se tornando predatória.

Código de ética em odontologia

Temos um código de ética aprovado que entrou em vigor em janeiro de 2013 e que regula, ou ao menos tenta regular, a propaganda em odontologia. Infelizmente nem sempre, ou na maioria das vezes ele não é respeitado. Alguns insistem em passar por cima destas regras e os colegas que fazem a coisa de maneira correta acabam sendo prejudicados e perdendo terreno (e pacientes) nesta guerra.

O lado positivo

Mas como bem sabemos tudo tem o seu lado positivo. O grande número de dentistas acabou oferecendo acesso a população mais carente a serviços que antes eles não tinham, ou tinham de forma bastante precária nos serviços públicos. Isso acabou gerando um aumento na demanda pelos serviços prestados pelos profissionais de odontologia e consequentemente uma maior procura. A ascensão das classes de mais baixa renda ao patamar de “consumidores” abre novas oportunidades (leia: O poder da classe C para a Odontologia). Criar um negócio que atenda essa demanda com a qualidade necessária, fugir de grandes centros e procurar lugares com menor concorrência, criar uma rede de cooperação  em odontologia, que una forças de pequenos consultórios para criar uma marca forte por meio de cooperação são algumas possibilidade para o futuro da odontologia.

Conclusão

O momento requer uma analise cuidadosa e para ganhar terreno frente a concorrência se faz necessário planejamento estratégico de longo prazo. Não adianta ficar tapando buracos quando eles aparecem, assim como em odontologia, nas estratégias de marketing acões preventivas e bem estruturadas são sempre mais eficazes, logo se não conseguir entender muito bem por onde começar, procure a ajuda de um profissional habilitado em gestão e marketing, antes que a concorrência engula seu negócio.

Boa sorte.

 

About Marcos Rocha

Cirurgião Dentista, Mestre em Odontologia pela FOUSP , Pós graduado em Radiologia e Administração de Empresas, Docente Superior, Personal & Professional Coach, Membro da Sociedade Brasileira de Coach.

View all posts by Marcos Rocha →

4 Comments on “As duas faces da concorrência em odontologia”

  1. boa noite gostaria de dar minha opiniao a respeito da odontologia atual temos que trabalhar cada vez com mais qualidade e custo que o cliente pode pagar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *